pt
Evento
Os Afropolitanos: de Roma 20 a. C. a Lisboa 2021 
CICLO DE SEMINÁRIOS CONVERSAS DESCONFINADAS II
2021-05-25, 16:00
Centro de Estudos Sociais
Bruno Sena Martins, Giuseppina Raggi

Comentários: Bruno Sena Martins | Moderação: Giuseppina Raggi

Apresentação

O termo afropolitanos foi criado em 2005 por Taiye Selasi no artigo "Bye-Bye, Babar (Or: What is an Afropolitan?)", e definia o afropolitano possuidor de uma identidade e de uma sensibilidade urbanas e africanas. Contudo o início do afropolitanismo data da presença de negros na Europa sob o Império Romano e manteve-se ao longo de vários séculos de formas e em condições muito diversas.

O termo criado por Taye Selasi vai ser disseminado pelas grandes capitais africanas e depois europeias. Praticamente em simultâneo o filósofo Achille Mbembe pega no mesmo termo e torna-o um conceito operativo que produz uma ruptura com a história tradicional dos Estudos Africanos no que dizia respeito à emancipação dos povos. Recusando o afrocentrismo e um essencialismo na identidade africana,o autor utiliza-o para definir as diásporas africanas na Europa e nos Estados Unidos da América, a produção literária, a moda, as artes visuais, o cinema produzido nestas mesmas diásporas ou em África, em ambientes cosmopolitas que reivindicam um cosmopolitismo transcultural e uma circulação assídua e afirmativa dos africanos e das suas ideias e produções entre África e Europa e vice-versa.

No actual panorama artístico europeu destaca-se a emergência de um conjunto de artistas a quem por simplicidade de linguagem se designa como afrodescendentes. Estes artistas pertencentes às segundas e terceiras gerações das diásporas africana, europeus, são herdeiros de memórias africanas por via dos seus pais e avós. Trabalham sobre elas, apropriam-se do modo que consideram mais justo, sem abdicar da sua condição de produtores de inovação e criatividades no presente e no regime de transnacionalidade de que são defensores e protagonistas. Dois casos de estudo serão apresentados neste 4.º seminário do ciclo “Conversas desconfinadas II”.

___________________

Esta atividade realiza-se através da plataforma Zoom, sem inscrição obrigatória. No entanto, está limitada ao número de vagas disponíveis.
https://us02web.zoom.us/j/87301869610?pwd=LytNTWN0Z0Q1a3JjMkUxQXBiWGM5Zz09
ID da reunião: 873 0186 9610 | Senha de acesso: 655158

Agradecemos que todas/os as/os participantes mantenham o microfone silenciado até ao momento do debate. A/O anfitriã/ão da sessão reserva-se o direito de expulsão da/o participante que não respeite as normas da sala.

As atividades abertas dinamizadas em formato digital, como esta, não conferem declaração de participação uma vez que tal documento apenas será facultado em eventos que prevejam registo prévio e acesso controlado.